CLÁUDIA GOMES

1995

Cláudia Gomes, nasceu em 1995, é actriz, marionetista e produtora do Porto, Portugal.

Atualmente trabalha como produtora na Agente A Norte e, paralelamente, realiza trabalhos como atriz e marionetista.Estreou em 2021, como co-realizadora, a primeira curta-metragem “Nata Desta Vida”.

Está a desenvolver o seu projeto de investigação – uma marioneta de escala humana manipulada por fios. Este projeto está em desenvolvimento e já teve dois momentos de apresentação: Primeiro, intitulado ca·ó·ti·co, no Teatro Municipal do Porto – Rivoli, o segundo, intitulado dis-cên-ci-a, no FIMP – Festival Internacional de Marionetas do Porto.

Como actriz e marionetista, Cláudia regularmente colaborou com algumas companhias de teatro, tais como: Confederação, Historioscopio, Marionetas da Feira e UNIMA (última residência e espectáculos na UNIMA RÚSSIA 2019). Paralelamente concilia o seu tempo com outros trabalhos e projetos.
Outros criadores, companhias de teatro e colectivos com quem trabalhou foram: Continuo Theatre (República Checa), Carlos J. Pessoa (Teatro da Garagem), Catarina Lacerda, Cláudia Marisa, Howard Gayton, Patrick Murys, Circolando, Ricardo Alves (Palmilha Dentada), Lee Beagley, entre outros.

Licenciou-se em Teatro – variante Interpretação, na ESMAE em 2016. Durante esse período, e com o apoio do programa Erasmus+, estudou um semestre no estrangeiro, frequentando a Arts Academy – Turku University of Applied Sciences, Turku, Finlândia, onde adquiriu conhecimentos sobre marionetas permitindo a sua actual pesquisa e trabalho. Enquanto esteve na Finlândia, Cláudia participou em espectáculos de marionetas, do Fanatik Figuras Festival.

TELEVISÃO

2021 – Bem me Quer (TVI)
2019 – Prisioneira (TVI)