JÚLIA VALENTE

Começou a sua formação artística na Academia Contemporânea do Espectáculo. Atualmente frequenta a Licenciatura em Teatro – Ramo Actores, na Escola Superior de Teatro e Cinema.

Em Inglaterra fez o Musical Theatre Workshop na Cambridge School of Visual and Perfoming Arts e integrou uma turma no curso de "European Greats" Modern Theatre Workshoop na RADA.

Profissionalmente, a sua mais recente participação foi no espetáculo Upside Down Cuppa Coffee, uma encenação de Afonso Boffa Mollinar. Participou no espetáculo Ájax, uma encenação de Nuno Cardoso (Auditório do Teatro do Bolhão) e também em Território, uma encenação de Joana Providência (Auditório Palácio do Bolhão). Como bailarina clássica é certificada pela Royal Academy of Dance com o diploma de Avançado (Advanced). Além de Ballet Clássico, teve aulas de Dança Contemporânea, Flying Low, Hip Hop, entre outros estilos, também desenvolveu um projecto coreográfico intitulado, Cama como Cova.

Em cinema Cosmos de João Monteiro e Primavera Sempre de Nuno do Lago, foram duas das mais relevantes curtas-metragens em que participou.

 

2018, Upside Down Cuppa Coffee, encenação de Afonso Boffa Mollinar;

2017, Primavera Sempre (curta-metragem), Nuno do Lago;

2015, Território, encenação de Joana Providência;

2014, Ájax, encenação de Nuno Cardoso. 
 

Facebook share